Informação sobre tuberculose, causas, sintomas e tratamento da tuberculose pulmonar assim como o modo de transmissão, identificando procedimentos para a sua cura e apresentando dicas de prevenção, descrevendo os diversos tipos de tuberculose.


Tuberculose Primária Típica

A Tuberculose Primária Típica é a forma mais comum em crianças com idades entre os 2 e 12 anos, cuja resposta imunológica dos linfonodos hilares e mediastinais é exacerbada. Neste caso, o complexo primário pode ser representado por uma pequena área de pneumonite (ocupando geralmente o terço médio do pulmão) e pela adenomegalia hilar e/ou mediastinal ipsilateral. O aumento acentuado destes linfonodos pode levar à compressão de algum brônquio, causando atelectasia segmentar, lobar ou mesmo pulmonar total. A ruptura de um foco caseoso para o interior deste brônquio pode levar à pneumonia tuberculosa, precipitada pela grande quantidade de bacilos que invadem os alvéolos de um determinado segmento ou lobo. Teoricamente, qualquer segmento ou lobo pulmonar pode ser afetado.

Mycobacterium tuberculosis

Mycobacterium tuberculosis é o agente causador da tuberculose. Existem outras micobactérias "atípicas", tais como Mycobacterium kansasii que podem produzir uma aparência clínica e nível patológico semelhante da doença. M. avium-intracellulare (MAI), visto em hospedeiros imunocomprometidos (especialmente em pessoas com SIDA), não é primariamente uma infecção pulmonar em termos da sua distribuição nos órgãos. A tuberculose está a tornar-se um problema mundial. Guerra, fome, falta de habitação e falta de assistência médica, tudo contribui para o aumento da incidência de tuberculose entre pessoas desfavorecidas. Tuberculose é facilmente transmissível entre pessoas, pelo que o aumento de Tuberculose em qualquer segmento da população representa uma ameaça para todos os segmentos da população. Isto significa que é importante instituir e manter as medidas adequadas de saúde pública, incluindo rastreio, vacinação (se tal for considerado de valor), e tratamento. A frouxidão de medidas de saúde pública contribuirão para um aumento dos casos. Falha de tratamento adequado promove o desenvolvimento de cepas resistentes de tuberculose.


ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL